BLOG IEEP

Os melhores artigos em
Gestão Ágil e Liderança

3 de setembro de 2020

Qual é o melhor estilo de liderança para ser aplicado em equipes?

As práticas laborais vêm passando por um grande período de transição. Algum tempo atrás acreditava-se que o que movia o colaborador era o seu salário. Entretanto, hoje percebe-se que esse fator não é protagonista e que para mover os colaboradores é necessária a criação de um estilo de liderança baseado nos relacionamentos interpessoais.

Desta forma, embora a figura de líder já seja um velho conhecido corporativo, precisou que seu perfil passasse por readaptações para que seus colaboradores tivessem engajamento e produtividade e que, consequentemente, a empresa mantivesse sua competitividade no mercado.

Qual é o melhor estilo de liderança?

Antes de entendermos qual é o estilo ideal para um líder, é necessário compreendermos o que significa liderança.

Em poucas palavras, liderança é a capacidade de influenciar e inspirar outras pessoas a trabalharem em prol de um objetivo comum. Embora sua definição seja simples, lidar com um grupo de pessoas pode ser mais difícil do que o esperado.

Saiba mais o que é liderança e como colocar em prática.

De acordo com Daniel Goleman, existem 6 estilos de liderança, quais sejam: visionário, coaching, afiliativo, democrático, marcador de ritmo e coercivo – entenda melhor sobre cada um deles. Dentre os estilos citados, não podemos afirmar que exista um estilo melhor, ideal para todas as situações.

Além do fato de que lidar com pessoas é algo sempre complexo, devemos lembrar que cada ser humano é único e que, portanto, dentro de uma mesma equipe existirão colaboradores com características e necessidades diferentes.

Dessa maneira, o profissional designado para liderar uma equipe deve entender que cada pessoa possui suas motivações internas e que, portanto, se utilizar de um único estilo para despertar engajamento em colaboradores diferentes não é a melhor estratégia.

Sendo assim, podemos perceber que o melhor estilo de liderança é aquele que se adapta à situação vivenciada pelo líder e sua equipe.  E que, portanto, o líder deve ser flexível para transitar entre os variados estilos, se adequando a cada colaborador e respeitando suas características.

Inteligência emocional como ferramenta para uma boa liderança

Ao compreender que os bons líderes são aqueles que se adaptam a cada colaborador e cada situação, podemos partir para a segunda questão: como desenvolvemos essa adaptabilidade?

Antes de mais nada, precisamos aprender a ler as situações, o clima, a cultura e os indivíduos para que possamos alcançar os resultados esperados.

Esse aprendizado e adaptação podem ser impulsionados pela inteligência emocional, característica que pode ser desenvolvida com esforço e dedicação. Uma das formas mais eficazes de desenvolver nosso Quociente Emocional (Q.E) é praticando e cometendo erros.

O desenvolvimento de nossa inteligência emocional faz com que aprendamos a lidar com a diversidade de situações e pessoas e, por isso, nos impulsiona a desenvolver uma liderança adaptativa. Contudo, além de trabalhar o nosso Q.E, devemos também nos valer de algumas práticas importantes que são constantes para o desenvolvimento de uma boa liderança.

Quais são as constantes que um bom líder deve conhecer?

Para que o líder adaptativo consiga tomar melhores decisões e criar um ambiente de segurança para todos os seus colaboradores, ele precisa se valer de duas constantes. São elas:

  1. Liderança de pessoas: um bom líder precisa compreender que está lidando com pessoas e não máquinas, sistemas ou organizações. Sendo assim, mostrar que se importa com elas, gera uma expectativa de retorno e, consequentemente, um estímulo para que o trabalho seja realizado da melhor maneira possível.
  2. Liderança por exemplos: a velha imagem de liderança baseada em “faça o que eu digo, não o que eu faço” já caiu por terra. Um bom líder é aquele que também está disposto a dar bons exemplos no ambiente de trabalho, estimulando os colaboradores a darem o melhor de si.

Portanto, podemos entender que um bom líder é aquele que oferece não somente empatia, mas que consegue se adaptar utilizando ferramentas de todos os estilos, preservando sempre o respeito durante a construção do relacionamento interpessoal.

Gostou deste assunto e quer se desenvolver como líder? Conheça também o nosso E-Book Liderança para Gestores: Como criar uma equipe sem medo e desenvolva sua liderança para alcançar resultados extraordinários em equipe!

Banner Ebook Lideranca para Gestores

Veja Mais Artigos
Abrir chat
1
Oi, tudo bem? 😄
Aqui é a Fernanda, do IEEP
Tem alguma dúvida? Ficarei feliz em te ajudar!