BLOG IEEP

Os melhores artigos em
Gestão Ágil e Liderança

13 de maio de 2020

O que é o RH Ágil? Conheça a nova era dos Recursos Humanos

RH Ágil

Você já ouviu falar em RH ágil? É muito provável que sim, afinal, este é um tema que está muito em alta.

O motivo para isso é bem claro: as pessoas são os ativos mais importantes de uma empresa. Portanto, o Recursos Humanos é um dos setores mais importantes que qualquer empresa tem à sua disposição, além de ser extremamente estratégico para o atingimento dos objetivos organizacionais. Então, é preciso cada vez mais encontrar formas humanizadas de liderar e gerir as pessoas. Apenas assim, as empresas conseguem atrair e reter os melhores talentos.

É aí que entra o RH ágil. Esta é uma forma de revolucionar o setor de Recursos Humanos, que tem um peso estratégico enorme para as empresas. Então, entenda neste post o que é o RH Ágil.

O que é RH Ágil?

Da mesma forma que acontece com os modelos ágeis na gestão de projetos, como o Scrum e o Kanban, o “ágil” não é uma ferramenta. É uma mentalidade. Esta é a primeira distinção que você precisa entender para saber o que é o RH ágil.

Porém, no setor de RH especificamente, a ideia é um pouco diferente. Durante muito tempo, e ainda hoje, os Recursos Humanos (ou Gestão de Pessoas) é uma área de serviços, mais focada em atividades burocráticas. O que é um grande desperdício de potencial nas organizações.

Uma segunda distinção a ser feita é que na Cultura Ágil, é considerado grosseiro se referir às pessoas como “recursos”. Como Mishkin Berteig constata no blog Agile Advice:

“Pessoas não são fungíveis: não se pode simplesmente alocar qualquer desenvolvedor em qualquer projeto. Habilidades, personalidades, gostos, talentos, potenciais, todas essas são características dinâmicas e únicas para cada pessoa. Assim, qualquer teoria da administração (incluindo a gestão de projetos tradicional) que trata pessoas como recursos – como petróleo, ouro ou computadores – está fazendo uma simplificação injusta às custas das pessoas que trabalham na organização.”

A ideia do RH ágil é transformá-la em um setor com o devido peso estratégico. Mas, qual é esta mudança?

A mudança no paradigma do colaborador

O RH muda em resposta a um paradigma de pensamento do colaborador. Não existe mais um foco tão grande em estabilidade, salário, diversos bônus e benefícios. Os profissionais modernos, especialmente das gerações mais jovens, têm outras preocupações. Propósito, autonomia, maestria e qualidade de vida passam a serem as prioridades.

Até então, o trabalho do RH está adequado a um profissional com outras prioridades e a uma economia com outras características. Portanto, como fazer com que este setor se transforme, para atender às necessidades do profissional moderno no mundo moderno?

Como implementar o RH ágil?

Agora que ficou mais claro o conceito, provavelmente você está se perguntando como implementar o RH ágil. Assim como qualquer metodologia ágil, ele se apoia em três pilares básicos:

• valor para o negócio;
• melhoria contínua e
• ciclos mais curtos.

Parte da resposta de como implementar o RH Ágil surge da tecnologia. Ou seja, aplicar certas soluções que permitam que o profissional de RH possa ter uma mudança de foco no seu trabalho. A ideia, é que ele troque certas funções mais burocráticas do setor, pela automação.

Mas, novamente, assim como a implementação do ágil em outros setores, apenas o uso da tecnologia não garante a agilidade. É necessária uma mudança de mentalidade. O profissional de RH deve focar nas equipes e seus integrantes, identificando mais rapidamente os problemas que existem, e buscando formas eficientes de corrigi-los. Ou seja, o objetivo do setor de RH é ser mais flexível, inovador e se adaptar à nova realidade.

Como falamos em outro texto aqui no Blog IEEP: “Ser mais estratégico no RH é realizar os processos para melhorar o desempenho e performance dos colaboradores. É focar em auxiliar e trazer estímulos direcionados motivação e engajamento, formação de lideranças, fortalecimento da cultura organizacional, selecionar talentos alinhados com os valores da empresa e competências necessárias, assim como atuar na retenção dos profissionais top performers dentro da organização.”

Uma comparação interessante é com o design thinking. Este é outro conceito que já mencionamos aqui no blog, que preza pela imersão em um problema, de modo a realmente conhecê-lo. A ideia do RH Ágil também é a imersão. Neste caso, é uma imersão no dia a dia da própria equipe, para entender quais são seus problemas e quais as oportunidades para melhorar o ambiente de trabalho.

Agora que você já conhece um pouco sobre o RH Ágil, quer entender de uma vez por todas o que é SER Ágil? Se sim, confira o nosso e-book completo sobre a Mentalidade Ágil!

Banner Ebook Mentalidade Agil

Veja Mais Artigos
Open chat
1
Oi, tudo bem? 😄
Aqui é o Augusto, do IEEP
Tem alguma dúvida? Ficarei feliz em te ajudar!
Powered by